Menores e mais poderosos: IBM anuncia chip de 7 nanômetros

chip

Há cerca de 50 anos, certo cientista de sobrenome Moore definiu que a cada ciclo de 18 meses o ser humano seria capaz de reduzir pela metade o tamanho e duplicar a potência dos processadores. Ao anunciar o novo chip de 7 nanômetros, a IBM garantiu que a Lei de Moore continuasse vigente, apesar da descrença dos estudiosos da área. Mas o que há de tão fascinante sobre esse novo chip?

chipJá foi dito no Sul do Mundo uma vez que a tecnologia estaria chegando a um ponto em que seria muito difícil diminuir mais o tamanho e espessura dos aparelhos eletrônicos, como o novo MacBook. Com o anúncio da IBM, no entanto, pode esperar que em breve uma série de dispositivos ainda mais finos e compactos. Isso, é claro, sem diminuir a capacidade de processamento, muito pelo contrário.

Já há um tempo que empresas testam chips de 7 nanômetros. No entanto, em todos os testes até então, a perda de qualidade tornava a tecnologia inviável. Para resolver tal problema, a IBM chegou a investir três bilhões de dólares e cinco anos de trabalho. Pode esperar, então, que em um futuro próximo haverá GPUs e CPUs menores, mais potentes e, quanto ao preço, torça para que sejam tão pequenos quanto o chip de 7 nanômetros!

E quanto menor os processadores, mais fácil os objetos do cotidiano poderão se conectar à internet e garantir que você nunca mais esta fora da rede. Impressionante, não é?

 

Categoria: Informática, Notícia
Tags: chip , ibm, Internet, nanometro, Sul Internet

voltar para Blog Sul do Mundo

show tsN fwR fsN center|left fwR tsN|left fwR tsN show|bnull|||news c05|fsN fwR normalcase c05 tsN|uppercase c05s|login news fwR normalcase c05|tsN fwR c05 normalcase|normalcase fwR c05|content-inner||